Começa a guerra pela água: Estudo traça mapa dos principais confrontos do futuro iminente

conlfitos-por-agua-no-mundo-the-history-channel


Quase todos dão como garantido o bem essencial à vida: a água! Na realidade não podiam estar mais longe da verdade e se por um lado as corporações começam a dominar esse recurso que se quer livre, por outro os governos iniciam uma cavalgada de controlo nos bastidores e não se avistam bons finais.

conlfitos-por-agua-no-mundo-the-history-channel
Com as mudanças climáticas, os rios tendem a inundar e a secar mais rápido, de acordo com um estudo recentemente conduzido pelo Intergovernmental Panel on Climate Change. A escassez de água deve, provavelmente, ocorrer em partes do mundo que já sofrem com problemas de fornecimento. Desta maneira, cientistas e políticos acreditam que conflitos em determinadas áreas se tornem mais intensos. Numa tentativa de tentar “rastrear” as futuras disputas por água ao redor do mundo, pesquisadores da Universidade do Estado do Oregon levaram uma década para reunir uma grande base de dados de intercâmbios internacionais – tanto alianças como conflitos – sobre a distribuição de recursos hídricos.
Segundo os estudos, os países geralmente iniciam as disputas de maneira armada, mas, ultimamente, têm chegado a acordos pacíficos. De acordo com Aaron Wolf, o geógrafo que liderou o projecto, “para mim, a parte realmente interessante é como mesmo árabes e israelitas ou indianos e paquistaneses serão capazes de resolver as suas diferenças e achar uma solução.”
Boa parte dos actuais casos de “rixas” entre países envolve a construção de represas. Na Turquia, o desentendimento é com o Iraque. Outra represa, que é construída na Etiópia, numa região de nascentes do Rio Nilo, está a desagradar Sudão e Egipto. Uma situação semelhante ocorre no Tajiquistão, que quer erguer uma central hidro-elétrica na nascente do rio Amy Darya. Seria a represa mais alta do mundo, contudo a construção está a gerar  problemas com o vizinho Uzbequistão.
De acordo com previsões do Banco Mundial, quando a população mundial for 7% maior do que a de hoje, para cada aumento de um grau na temperatura, haverá 20% menos oferta de água. A produtividade agrícola pode cair 2% por década até o final do século, de forma que a demanda deverá crescer 14% até 2050.
Veja a infografia (em inglês) com os detalhes clicando na imagem abaixo:
guerra-agua-noticias-the-history-channel-2
Share on Google Plus

Sobre: Adrien marinho II

Adrien Marinho . Sou agnóstico teísta, formado em direito, publicidade. Sei desenhar, tocar guitarra, bateria e tenho TDAH. O motivo do site é o mesmo da pagina, alertar as pessoas com mais detalhes e conteúdo sobre as informações camufladas pela televisão e mídia num modo geral. Explicando com mais detalhes os escândalos envolvendo vacina, remédio, alimentação, Projeto Blue Beam , Iluminati. e tudo que se encontra oculto em nossa sociedade.
    Comentário no Blogger
    Comentário no Facebook

0 comentários: