Policial algema menino com déficit de Atenção em escola dos Estados Unidos e choca o mundo

Menino de oito anos foi algemado pelo policial, responsável pela segurança de uma escola, que queria que a criança ficasse quieta.

O menino teria ficado algemado por 15 minutos. O policial o teria algemado por ele não se comportar de forma “adequada”. A criança sofre de transtorno do déficit de atenção com hiperatividade. (Foto: Reprodução)

O menino teria ficado algemado por 15 minutos. O policial o teria algemado por ele não se comportar de forma “adequada”. A criança sofre de transtorno do déficit de atenção com hiperatividade. (Foto: Reprodução)

Quem está algemado com os braços para trás, aos prantos, não é um criminoso. O menino tem oito anos, foi diagnosticado com transtorno de déficit de atenção com hiperatividade.
Ele foi algemado pelo policial Kevin Sumner, responsável pela segurança de uma escola do estado americano do Kentucky, que queria que a criança ficasse quieta porque punha os outros alunos em risco, com sua agitação.

O garoto é tão pequeno que as algemas não foram presas nos pulsos, mas nos braços dele. O homem repete muitas vezes: ‘Se você não se comportar, vai sofrer as consequências’.
A criança grita: ‘isso me machuca’. Foram quinze minutos de tortura.

As imagens foram entregues à Justiça por uma ONG que luta pelos direitos civis e estão sendo usadas para processar o policial.
A mãe do menino disse que ele está traumatizado, ansioso, com medo de encontrar o policial novamente e que tem pesadelos durante a noite. Mas essa não foi a única vez que Kevin Sumner tratou uma criança assim. Ele também responde a um processo por ter algemado, duas vezes, uma menina de 9 anos, aluna de uma outra escola e que também tem diagnóstico de hiperatividade e déficit de atenção. E, segundo o policial, precisava aprender a se comportar.
A representante de uma organização que presta assistência jurídica a crianças e adolescentes diz que o comportamento do menino e da menina é compatível com os transtornos que eles apresentam. Rickel Howard conclui: Esse policial devia estar lá para proteger, e não para causar trauma e dor a essas crianças.
http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2015/08/policial-algema-menino-em-escola-dos-estados-unidos-e-choca-o-mundo.html
Share on Google Plus

Sobre: Adrien marinho II

Adrien Marinho . Sou agnóstico teísta, formado em direito, publicidade. Sei desenhar, tocar guitarra, bateria e tenho TDAH. O motivo do site é o mesmo da pagina, alertar as pessoas com mais detalhes e conteúdo sobre as informações camufladas pela televisão e mídia num modo geral. Explicando com mais detalhes os escândalos envolvendo vacina, remédio, alimentação, Projeto Blue Beam , Iluminati. e tudo que se encontra oculto em nossa sociedade.
    Comentário no Blogger
    Comentário no Facebook

0 comentários: