A Sua Pasta De Dentes Deveria Servir Para Cuidar Da Higiene Da Sua Boca E Não Para Prejudicar O resto Do seu Corpo.

Os químicos que entram na a sua boca, circulam por todo o seu corpo.

Para além do flúor, as pastas de dentes que comummente se compra nas farmácias e supermercados contêm outros ingredientes químicos perigosos. Como são os:

A Sua Pasta De Dentes Deveria Servir Para Cuidar Da Higiene Da Sua Boca E Não Para Prejudicar O resto Do seu Corpo.

Formol

O Formaldeído, também conhecido como formol, formalina, aldeído fórmico ou oximetileno, que é usado com anti-séptico (que inibe a proliferação de micro-organismos). O formol gera alguns impactos à saúde, como ser irritante para a pele, olhos e para o sistema respiratório, o que o compromete. Essa mesma substância, segundo um estudo, mostra que a exposição doméstica do formol aumenta o risco de asma brônquico na infância. Um estudo feito pelo IARC (International Agency for Research on Cancer), em setembro de 2004, mostrou que o formol foi classificado como cancerígeno para humanos.

Triclosan

Tóxico Outra substância encontrada em alguns cremes dentais (como, por exemplo, Colgate Total) é o Tryclosan ou Triclosan, que tem função de anti-séptico e bacteriostático. Segundo alguns estudos, o Triclosan, se exposto a grandes quantidades de cloro (presente na água), forma o clorofórmio, que, de acordo como a Agência de Proteção Ambiental dos EUA, é considerado uma das causas do câncer. O triclosan também pode formar diclorobenzeno-p-dioxina 15, resultado do triclosan com o sofrimento de degradação da luz. A substância resultante acima é considerada cancerígena. Pode-se considerar o triclosan como uma substância bem tóxica e que, se continuar nos cremes dentais, pode deixar a população doente.

Nitrato de Potássio (KNO3)

O nitrato de potássio, além de ser usado na pasta de dente, é usado também em adubos, como a vinhaça,
Seguindo a onda, apresentamos neste post uma receita fácil de pasta de dentes natural e orgânica. A pasta de dentes que consumimos tem flúor, que absorvido diariamente pode trazer tipos de problemas fisiológicos, sendo o mais visível a redução da capacidade de funcionamento da glândula da tiróide, redução essa que provoca um problema de saúde conhecido como tiróide hipoactiva ou tiróide pouco activa.
Se a sua tiróide não funciona como deve, o seu metabolismo é muito lento e você engorda. O flúor na pasta dos dentes e na água é uma das maiores causas da enorme taxa de obesidade nos EUA. Nas comunidades em que os níveis de flúor da água são mais altos, há que, dependendo da quantidade utilizada, pode fazer mal ao solo, pois pode alterar suas propriedades químicas e físicas. Essas alterações podem melhorar a agregação, o que gera uma maior capacidade de infiltração da água no solo e aumentam as chances de ocorrer uma lixiviação de íons (perda da parte negativa dos átomos). Essa lixiviação contamina as águas subterrâneas quando há grandes quantidades e promove a dispersão de partículas do solo, reduzindo as chances de infiltração de água e elevando o escoamento superficial, as chances de secar o solo e contaminar as águas superficiais. Além disso, o KNO3 pode ser nocivo se ingerido, pois causa tosse, dor de garganta, vermelhidão na pele e nos olhos, dor abdominal, tontura, diarreia e convulsões. O produto pode ser inflamável e/ou explosivo, se entrar em contato com substâncias combustíveis, e pode explodir, se entrar em contato com substâncias redutoras.

Flúor

O flúor é usado para a prevenção de cárie. Sendo colocado para a prevenção nas mais variadas formas: fluoretação das águas de abastecimento público, pela sua adição ao leite, ao sal e ao açúcar. Após uma dose de fluoreto certamente letal (5 a 10g de fluoreto de sódio), aparecem sinais de irritação gastrointestinal violenta, tal como náusea, vômito e diarreia. Desenvolve-se um estado de choque e a vítima morre frequentemente entre 2 a 4 horas após a ingestão de fluoreto. Quando as quantidades são um pouco menores, como 8 mg, os sintomas são menos sério, mas ainda pertinentes. É só uma questão de dose que diferencia entre remédio e o veneno. Não há dúvida de que a descoberta das propriedades anticariogênicas do flúor constitui um marcos mais importantes da Odontologia. Existe um aumento potencial para a ingestão de doses tóxicas de fluoreto, por causa do aumento do uso de produtos com sabor agradável. Conclui-se que o flúor deve ser usado, mas de forma adequada, pois pode acontecer a intoxicação, mesmo ela sendo bem rara pela quantidade que se deve ingerir. PEG (Polietilenoglicol) O PEG é um polímero (composto químico de elevada massa molecular) formado pelo etileno glicol (um álcool), que pode ser encontrado em vários objetos. De acordo com um trabalho realizado em 2006 na Dinamarca, o PEG pode causar um perigo de dermatite alérgica. Em um congresso especializado, se concluiu que o uso do PEG deve ser restrito às unhas e nunca deve entrar em contato com a pele. Mas há controvérsias dizendo que o PEG é relativamente seguro. Dependendo do fabricante, o PEG pode conter diversos tipos de impurezas, incluindo óxido de etileno, dioxano e metais tóxicos, como arsênico, níquel e cobalto. Ou seja, muitos dizem que faz mal e poucos, que faz bem. Mas, de acordo com a pesquisa realizada, obtivemos mais informações que comprovam que o PEG faz mal.
http://saudecomvida.com/conheca-venenos-colocamos-boca-dias/
Share on Google Plus

Sobre: Adrien marinho II

Adrien Marinho . Sou agnóstico teísta, formado em direito, publicidade. Sei desenhar, tocar guitarra, bateria e tenho TDAH. O motivo do site é o mesmo da pagina, alertar as pessoas com mais detalhes e conteúdo sobre as informações camufladas pela televisão e mídia num modo geral. Explicando com mais detalhes os escândalos envolvendo vacina, remédio, alimentação, Projeto Blue Beam , Iluminati. e tudo que se encontra oculto em nossa sociedade.
    Comentário no Blogger
    Comentário no Facebook

1 comentários:

Anônimo disse...

Excelente e esclarecedor artigo! Parabéns pela informação!
OBS: Não encontrei o link para a receita da pasta de dentes natural. O texto está em negrito mas não gera link