Fosfo: recuperação de paciente desenganado em SP enche defensores de esperança

A narrativa detalhada de Maraisa Souza sobre o caso envolvendo seu namorado traz um frescor de esperança num momento onde dúvidas sobre o acesso à substância Fosfoetanolamina Sintética comprometem o otimismo de muita gente. O caso, que tem como protagonista Juninho Augusto, 28 anos, é dos mais emblemáticos do quanto a Fosfo pode ajudar pacientes terminais. Desenganado em pelo menos duas ocasiões, ele deu a volta por cima e hoje está em franca recuperação. Detalhe: ele toma o composto há apenas um mês.


Por Maraisa Souza

"Olá pessoal, gostaria de contar um pouquinho da história do meu namorado Juninho Augusto pra quem não acredita na fosfoetanolamina ... Há um ano atrás ele foi diagnosticado com um câncer agressivo no intestino, fígado e bexiga, com metástases; ficamos desesperados com um jovem de 28 anos naquela situação. Então, em dezembro de 2014 procuramos o hospital de Barretos, onde avaliaram e chegaram numa conclusão: o tratamento dele seria somente paliativo, logo, não iriam fazer quimioterapia, pois isto não resolveria, em seguida deram alta dizendo que ele teria apenas algumas semanas de vida, que não chegaria nem há um mês. 

Completamente desesperados procuramos o hospital Sírio libanês, onde fomos muito bem tratados, ali foi feito uma cirurgia no dia 02 de Janeiro do ano corrente, em seguida começaram as quimioterapias. Até o mês de agosto ele estava muito bem, levando uma vida quase normal, inclusive andando de moto pra todo lado, porém infelizmente chegamos ao ponto de não ter condições mais como pagar o hospital. 

Juninho e Maraísa: em janeiro, antes da fase aguda da doença
Juninho e Maraísa: em janeiro, antes da fase aguda da doença  



























A partir de então ele ficou sem este tratamento, consequentemente ficou muito mal, usando bolsa de colostomia, foi onde os tumores fecharam a passagem das fezes, devido a isso ele começou a vomitar fezes.Assim levamos ele pra outro hospital (SUS), no qual os médicos disseram que o intestino dele estava perfurado e iriam fazer uma cirurgia, mesmo considerando que esta não adiantaria em nada, pois o caso dele é muito grave. 

Contudo, ele fez a cirurgia e 4 dias depois o intestino perfurou novamente, o médico me chamou em particular e disse; vamos levar ele pro bloco cirúrgico, mas a chance de vida é zero (%). Obviamente fiquei desesperada, porém, como Deus é grande, nesse período tivemos o conhecimento da fosfoetanolamina nas redes sociais, em seguida entramos com uma liminar e nesse mesmo período o intestino perfurou mais uma vez. O médico disse que não podia fazer mais nada: "vamos deixar a barriga aberta com a possibilidade de sedação do paciente". Quando não havia mais esperança, lá no final do túnel vimos uma luz, ganhamos a liminar e todos ficamos muito ansiosos para a chegada da fosfoetanolamina. 

Juninho e Maraísa Souza: luta pela liberação da Fosfo
Juninho e Maraísa Souza: luta pela liberação da Fosfo  


No entanto, até que este fármaco chegasse os dias foram passando e a cada dia ele piorava mais, alguns profissionais da área de saúde chegaram a dizer pra mãe dele que ela não o levaria pra casa, então, infelizmente chegamos ao ponto de reunir toda família para um velório.Pouco antes de receber a fosfo ele não conseguia nem levantar da cama sozinho, andar só com a ajuda de duas pessoas, quando enfim recebemos o aviso do correio, a fosfoetanolamina havia chegado (\o/). 

Ele então começou a tomar e hoje faz 30 dias que está tomando a fosfoetanolamina. Resultado: ele está até dirigindo o carro sozinho, caminha pra todo lado, vai pra cozinha e ele mesmo prepara sua alimentação; além disto ele tomava morfina de 4 em 4 horas, mesmo assim sentia muita dor, hoje ele não toma nada pra dor, não sente nada, não dá nem pra acreditar que ele era uma pessoa que estava em estado terminal e agora está tão bem!Depois deste depoimento deixo uma pergunta: há uma prova maior que a fosfoetanolamina funciona!? 

Pois bem, acredito que não! Contudo, a nossa preocupação é que a fosfoetanolamina acabou hoje, o que vamos fazer agora sendo que eles não querem liberar a segunda remessa? Meu Deus, o que será que essas autoridades (cabeças grandes) pensam? Temos a prova que a fosfoetanolamina funciona sim!!! Deus é fiel.

Via: http://www.conexaojornalismo.com.br/colunas/saude/bemestar/fosfo-recuperacao-de-paciente-desenganado-em-sp-enche-defensores-de-esperanca-70-41634
Share on Google Plus

Sobre: Adrien Marinho

Adrien Marinho . Sou agnóstico teísta, formado em direito, publicidade. Sei desenhar, tocar guitarra, bateria e tenho TDAH. O motivo do site é o mesmo da pagina, alertar as pessoas com mais detalhes e conteúdo sobre as informações camufladas pela televisão e mídia num modo geral. Explicando com mais detalhes os escândalos envolvendo vacina, remédio, alimentação, Projeto Blue Beam , Iluminati. e tudo que se encontra oculto em nossa sociedade.
    Comentário no Blogger
    Comentário no Facebook

1 comentários:

wendel vidal domingos disse...

Enquanto as pessoas ficarem agarradas em futebol, novelas e programas sem nemhum tipo de cultura vai ser isso, a mídia vai esconder de qualque rmaneira tudo e sempre de alguma forma enganar a todos esses.