Crianças menores de cinco anos estão sendo drogadas para enriquecer a indústria farmacêutica


















(NaturalNews) Crianças aos 18 meses de idade estão sendo tratadas como ratos experimentais; drogadas com algumas das pílulas psicóticas mais prejudiciais ao cérebro,  que mudam a vida. Estas são os tipos de pílulas que causam delírios selvagens, impulsos agressivos, comportamento errático; ou em alguns casos, provocam pensamentos violentos e suicidas. Por que os pais, médicos, psicólogos e neurologistas continuam a desconsiderar esses efeitos colaterais terríveis?



Tomemos o exemplo de um recém- nascido, Andrew Rios, com cinco meses de idade, começou a ter convulsões (o que é um efeito colateral comum de vacinas, a propósito).  Quando Andrew completou 18 meses, um neurologista colocou a criança em uma droga chamada epilepsia felbamato, o que imediatamente provocou um comportamento violento na criança pequena. Como a vida do menino estava sendo dilacerada pelo sistema médico,  um neurologista interveio novamente para prescrever Risperdal, uma droga experimental utilizada em adultos diagnosticados com transtorno bipolar e esquizofrenia. O medicamento causou ao menino a vivência de ataques violentos e delirantes de insônia. Ele, frequentemente sacudido, acorda do seu sono gritando,enquanto interage de maneira delirante com objetos que não estão presentes no quarto.

"Tudo tornou-se pior"

"Tudo tornou-de pior", disse a mãe do menino; como os comportamentos estranhos da criança persistiu durante os quatro meses que esteve nas drogas. Mas "era apenas 'tomai-o, não é grande coisa', como se fossem  Tic Tac ", disse Genesis Rios," Ele era apenas um bebê. "[Enfase adicionada]

Este é o pesadelo que está ocorrendo em milhões de crianças que vivem agora nos EUA, como eles sofrem nas mãos de um precipitado sistema médico insano, construído sobre o príncipio do "empurrando pilulas". Os remédios psiquiátricos que estão sendo bombeados para fora por essas empresas farmacêuticas são a força mais poderosa, agravando os problemas de saúde mental no mundo. E eles realmente estão causando uma crise na saúde mental nos EUA, destacando crianças indefesas da realidade, forçando os seus cérebros para se adaptarem às  alterações induzidas quimicamente a mudanças que são, obviamente, não estudadas e destrutivas (a curto e longo prazo). Essas pílulas estão literalmente mudando a estrutura e composição química do cérebro das crianças, num momento em que eles são mais frágeis e estão em desenvolvimento. Estas pílulas estão sendo empurrados em crianças que estão à mercê de seus pais e sob o controle dos médicos.Estes comprimidos, que provocam efeitos secundários psicologicamente dependentes, não foram sempre necessários em primeiro lugar. Como essas misturas químicas conseguem ser aceitas como "remédio" no nosso tempo?
De acordo com a IMS Health Vector One National, banco de dados nacional para o ano de 2013, milhões de crianças menores de cinco anos estão sendo forçadas a estas drogas, mudando para sempre a química de suas mentes e corpos; de maneira profissionais, médicos não entendem. A única coisa que os profissionais médicos entendem, é como manter lançando novas pílulas para o problema que as pílulas fizeram em primeiro lugar. O ciclo é tão abusivo, tão cruel. 

Estes cenários são agora comuns. O banco de dados IMS Health relata que as drogas psicóticas como Risperdal e Seroquel foram prescritas para cerca de 20.000 crianças menores de dois anos de idade.As taxas estão acelerando também. Na verdade, a taxa na qual esses medicamentos são prescritos em crianças saltou mais de 50 por cento em apenas um ano! Especialistas dizem que essas drogas estão sendo usados para aliviar crises de birra, ou para tentar reverter o comportamento inibido, não-verbal ou letárgico.

"Eu acho que você simplesmente não pode fazer qualquer coisa perto de um diagnóstico desse tipo de transtorno em crianças dessa idade", disse Dr. Ed Tronick, professor de ciências e de desenvolvimento do cérebro na Universidade de Massachusetts- Boston. "Há uma faixa muito estreita de que as pessoas pensam que a criança protótipo deve ser semelhante. Os desvios que os conduzem a buscar intervenções como essas. Eu acho que é apenas louco. "

IMS Health relata que 274,804 crianças americanas com menos de um ano de idade estão sendo expostas a drogas psicóticas como Prozac e Zoloft! Para todas as crianças menores de cinco anos de idade, cerca de 1 milhão contam agora com esses medicamentos prejudiciais ao cérebro. No total, 8.389.034  crianças, 17 ou menos estão nestas drogas psiquiátricas, e as taxas estão acelerando. 

Como o desenvolvimento de inteligência está sendo alterado e moldado em caminhos ainda não compreendidos, e como os efeitos colaterais violentos das drogas tomam o seu lugar na cultura americana; que tipo de futuro aguarda a cada uma dessas crianças? Por que permitimos a grande indústria a vitimizar os nossos filhos nos caminhos mais bárbaros que alteram a mente ? Como a pressão aumenta, e as crianças ficam afastadas da realidade, lutando com os efeitos de várias pilulas, é de se perguntar: "É a grande indústria a construção de um exército de atiradores em massa?"

Fonte:http://www.naturalnews.com
Share on Google Plus

Sobre: Thais de Deus

Adrien Marinho . Sou agnóstico teísta, formado em direito, publicidade. Sei desenhar, tocar guitarra, bateria e tenho TDAH. O motivo do site é o mesmo da pagina, alertar as pessoas com mais detalhes e conteúdo sobre as informações camufladas pela televisão e mídia num modo geral. Explicando com mais detalhes os escândalos envolvendo vacina, remédio, alimentação, Projeto Blue Beam , Iluminati. e tudo que se encontra oculto em nossa sociedade.
    Comentário no Blogger
    Comentário no Facebook

0 comentários: